quarta-feira, 7 de maio de 2008


Rapa-nos o dinheiro todo
E está-se sempre a escapar
Porque há sempre um gigolô
Com mais jeito para a dominar.
Fidelidades não é com ela
Qual animal de selva
Sempre a fugir-nos
À flor da relva.
Ainda por cima
Se lhe ponho as mãos é falta.
Já viram isto ó malta?
LC

Sem comentários: